Tudo sobre Investidor Qualificado e Profissional

  • O que é um Investidor Qualificado e Profissional?

As classificações de (“Investidor Qualificado”) e (“Investidor Profissional”) foram criadas pela Comissão de Valores Mobiliários, por intermédio da Instrução n° 554/2014, alterada pelas Instruções 564/15 e 566/15, com objetivo de permitir com que tais investidores tenham acesso à portfólio de produtos restritos, não disponíveis aos demais investidores por apresentarem maior potencial de riscos. Além disso, as referidas classificações também promovem proteção aos investidores contra riscos financeiros e perda patrimonial em produtos restritos.

  • Como se tornar um Investidor Qualificado e Profissional?

Para se tornar um (“Investidor Qualificado”) ou (“Investidor Profissional”) é necessário estar enquadrado em um dos critérios mínimos requeridos pela Instrução n° 554/2014. Dentre os principais critérios, estão:

Investidor Qualificado

  • pessoas naturais ou jurídicas que possuam investimentos financeiros em valor superior a R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais) e que, adicionalmente, atestem por escrito sua condição de investidor qualificado mediante termo próprio. Este termo específico poderá ser obtido junto ao Modal.
  • as pessoas naturais que tenham sido aprovadas em exames de qualificação técnica ou possuam certificações aprovadas pela CVM como requisitos para o registro de agentes autônomos de investimento, administradores de carteira de valores mobiliários, analistas de valores mobiliários e consultores de valores mobiliários, em relação a seus recursos próprios; e

Investidor Profissional

  • pessoas naturais ou jurídicas que possuam investimentos financeiros em valor superior a R$ 10.000.000,00 (dez milhões de reais) e que, adicionalmente, atestem por escrito sua condição de investidor profissional mediante termo próprio. Este termo específico poderá ser obtido junto ao Modal.
  • Quais os exames de qualificação técnica e certificações são aceitos?

 Agentes Autônomos de Investimentos (Resolução CVM nº 16/21)

  • Exame de Certificação de Agentes Autônomos de Investimento e Empregados das Instituições Financeiras (ANCORD)

Administradores de Carteira (Resolução CVM nº 21/21)

 Certificação de Gestores da ANBIMA – CGA, obtido no âmbito de programa organizado pela Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais;

  • Level III do programa de certificação Chartered Financial Analyst – CFA organizado pelo CFA Institute; e
  • Exam 1 e Exam 2 do Final Level do programa de certificação internacional para profissionais de investimentos organizado por quaisquer dos membros da ACIIA.

Analistas de Valores Mobiliários (Resolução CVM nº 20/21)

Certificação Nacional do Profissional de Investimento da APIMEC – CNPI, organizado pela Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais;

  • Exam 1 do Foundation Level do programa de certificação internacional para profissionais de investimentos organizado por quaisquer dos membros da ACIIA;
  • Levels I e II do programa de certificação Chartered Financial Analyst – CFA organizado pelo CFA Institute; e
  • Series 86 do programa de qualificação de analistas organizado pela Financial Industry Regulatory Authority - FINRA.

Consultores de Valores Mobiliários (Resolução nº 19/21)

  • Módulo CGA do programa de Certificação de Gestores da ANBIMA organizado pela Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais;
  • Certificação de especialista em investimentos ANBIMA – CEA organizado pela Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais;
  • Certificação nacional do profissional de investimento da APIMEC – CNPI, organizado pela Associação dos Analistas e Profissionais de Investimento do Mercado de Capitais;
  • Level III do programa de certificação Chartered Financial Analyst – CFA organizado pelo CFA Institute;
  • Exam 1 e Exam 2 do Final Level do programa de certificação internacional para profissionais de investimentos organizado por quaisquer dos membros da ACIIA; e
  • Certified Financial Planner – CFP organizado pela Planejar – Associação Brasileira de Planejadores Financeiros.

Outros exames de qualificação técnica aceitos: 

  • PQO - Programa de Qualificação Operacional
  • CPA10 - Certificação Profissional Anbima – série 10
  • CPA20 - Certificação Profissional Anbima – série 20
  • CAIA - Chartered Alternative Investiment Analyst
  • FRM - Financial Risk Manager
  • CQF - Certificate in Quantitative Finance
  • CFG - Certificação ANBIMA de Fundamentos em Gestão
  • CGE - Certificação de Gestores ANBIMA para Fundos Estruturados
  • ABECIP (CA 600, CA 400 e CA 300)
  • CTP - Profissionais de Tesouraria Certificados
  • FPA - Association for Financial Professionals

Importante destacar que a condição de investidor qualificado decorrente da aprovação em qualquer desses exames deve ser objeto de comprovação pelo investidor(a), e não meramente um requisito auto declaratório.

  • Você se enquadra nos critérios citados acima? Saiba como solicitar sua classificação.

Caso você se encaixe com os requisitos citados acima, siga o passo a passo:

  1. Faça o download da declaração clicando aqui;
  2. Imprima e preencha a declaração;
  3. Documentos complementares necessários;
  • Um documento de identificação (RG/CPF);
  • Uma cópia digitalizada da sua última declaração de Imposto de Renda para comprovação patrimonial OU certificação financeira exigida.
  1. Acesse nossa central de ajuda, de forma logada, e selecione o tema "Cadastro de investidor qualificado". Clique aqui e saiba como;
  2. Adicione os documentos solicitados, separadamente, no campo "Anexos".

Esse artigo foi útil?