Informações sobre Notas de Corretagem

Nota de Corretagem representa o extrato diário e detalhado das suas operações. Esse documento aponta os dados necessários para declaração dos seus investimentos na Bolsa de Valores.

  •  Como gerar minha Nota de Corretagem?

Aqui no modalmais é muito simples de gerar o documento no padrão SINACOR. Clique aqui para conferir o tutorial que preparamos para te auxilar ou siga o passo a passo:

1. Acesse sua área logada do site;

2. Clique no menu "Bolsa de Valores";

3. Clique em "Notas de Corretagem";

4. Selecione o período desejado e clique em "Gerar".

Importante: a Nota de Corretagem é atualizada ao final do dia, após o pregão. 

  • Entendendo a sua Nota de Corretagem

 

  • Nota de Corretagem BM&F

mceclip0.png

1. Seu dados de cliente modalmais;
2. CNPJ do modalmais;
3. Número da Corretora modalmais;
4. CPF ou CNPJ do cliente;
5. Código da conta cliente;
6. Sumário de todas as operações realizadas do dia. A Nota de Corretagem é formulada com o encerrando de todas as suas operações ao final do dia da operação;
7. Imposto de Renda Retido na Fonte, de suas operações realizadas no dia. Se você teve um ganho, será descontado 1% do dedo duro. Se teve uma perda no dia, não incidirá taxa.
8. Taxa de corretagem do seu plano modalmais. Se foi zerado pela nosso sistema, também incidirá nesta área as taxas;
9. Taxa de Registro da B3 (essa taxa é cobrada pela Bolsa e não pelo modalmais). Para conferir os custos por contrato, clique aqui!
10. Emolumentos da B3 (essa taxa é cobrada pela Bolsa e não pelo modalmais). Para conferir os custos por contrato, clique aqui!
11. Crédito ou Débito de suas operações do dia. Não está adicionando as taxas das operações;
12. Taxas das operações (Corretagem Plano, Emolumentos e Registro B3);
13. Valor total da nota, sendo o valor das operações mais as taxas da operação;
14. Se você passar posicionado o valor nesta área compreenderá os ajustes diários de seu contrato posicionado;
15. Crédito ou débito de suas operações do dia.

  • Nota de Corretagem Bovespa

mceclip2.png

1. Cliente: nome do cliente, informações pessoais e dados de conta modalmais;

2. CPF do cliente;

3. Operações realizadas em Bovespa. Sumário das operações do dia sejam de compra quanto de venda;

4. Valor das operações: somatório das operações realizadas. Total de compra + venda do dia;

5. Valor líquido das operações: diferença entre o total de operações de compra e de venda do dia;

6. Taxa de Liquidação (cobrada pela Bolsa, para conferir as taxas, clique aqui):

Day-Trade: Sobre o volume das operações (4), aplicar a taxa referente de acordo com volume de daytrade que você operar, se atentar para “Faixas de volume para day trade”.

Swing-Trade: Sobre o volume das operações (4), aplicar a taxa de liquidação correspondente à “Pessoas físicas e demais investidores”

7. Taxa de Emolumentos (cobrada pela Bolsa, para conferir as taxas clique aqui):

Day-Trade: Sobre o volume das operações (4), aplicar a taxa referente de acordo com volume de daytrade que você operar, se atentar para “Faixas de volume para daytrade”.

Swing-Trade: Sobre o volume das operações (4), aplicar a taxa de emolumentos correspondente à “Pessoas físicas e demais investidores”

8. Taxa de Corretagem Plano: taxa cobrada de acordo com seu plano de corretagem; Se tiver zeragem mesa, a cobrança será diferenciada e será da seguinte maneira: 0,5% sobre Valor das Operações (4) + R$25,21 de no mínimo R$50,00 reais.

9. ISS – Imposto sobre Serviços (cobrado pelo Governo).

10. Líquido da nota: seja crédito ( C ) ou débito ( D )

Esse artigo foi útil?